Procurar na Bubok

gampalu

Escrevo-te deste lado, este alter-ego renovado

Quero dizer-te nada, quero que saibas

Vou-te desencontrando, vou-me desencaminhando

A cada noite passada, a cada dia que faltaria

A redenção de um pós-mortal

A minha alma está acima

Acima do Homem e da moral

Abaixo, abaixo de mim alter-ego cego

Cego neste mundo multifacetado

Sozinho e complementado...