vitorandrade

A questão do crescente uso de psicotrópicos é um fato que nos é inegável. A procura
avassaladora por ansiolíticos e antidepressivos é uma realidade que demanda séria
reflexão, pois devido a certa banalização do uso, há certa preponderância de não
mais se diferenciar uma tristeza referente a uma perda, de um processo patológico
depressivo. Questionamento esse que legitima, de certa forma, uma discussão
referente ao processo anestesiante do sofrimento psíquico. Nesse sentido, o
presente livro pretende questione e nos fazer refletir o porquê dessa busca tão
descomedida, pelos efeitos anestesiantes de tais medicamentos, tão divulgados pela
indústria farmacêutica e publicizados pelos meios de comunicação.