Calendario 28 / Outubro / 2019 Cantidad de comentario Sem comentários

desenvolve o argumento do teu romance em dois passos Tem já pensado o argumento do seu romance? Se já conta com a ideia principal poderá começar a construir o resto do seu relato a partir do seu argumento.

Neste post contamos um método para desenvolver o seu argumento e assim lograr tomar a forma de um romance.
Os passos a seguir são simples:

1. Condense o seu argumento numa frase

Este exercício é recorrente e são muitos os autores, como Ricardo Piglia, os que sugerem usa-lo como um mecanismo para sintetizar, tanto una trama principal, como as subtramas das que estará composto o relato.

Pode parecer contraintuitivo porque o objetivo é desenvolver uma trama; sem embargo, a partir desse “plasmar o argumento central” desenvolveremos a ideia com suficiente detalhe.

Podemos fazer este exercício com várias tramas conhecidas:

Miguel e o seu irmão voltam à sua terra para recuperar a obra pictórica do seu pai.
Salvatierra ─ Pedro Mairal

Andrea muda-se a Barcelona, com a sua avó e tios, para estudar na universidade.
Nada ─ Carmen Laforet

Numa fazenda, os porcos começam uma revolução contra os humanos pela liberdade dos animais.
Triunfo dos Porcos/A Quinta dos Animais─ Orson Welles

Uma vez que tenha a sua frase, vamos então ao seguinte passo:

2. Desenvolve as cinco W (Who, what, why, where e when)

Esta técnica que vem do jornalismo é universal na narrativa. O seu nome vem do inglês, onde as perguntas quem, que, por que, a onde e quando, começam todas com W.

Na narrativa estes elementos vão-se integrando ao início. Denomina-se exposição. Resolver estas perguntas ajudara a integrar por completo a exposição da sua narração e avançar mais rápido na sua história.

Podemos tomar como exemplo o argumento de Salvatierra para este exercício:

Miguel e o seu irmão voltam à sua terra para recuperar a obra pictórica do seu pai.. Comecemos:

Quem?

Quem são Miguel e o seu irmão?
Quem foi o seu pai?
Quem sabe da obra do pai?
Quem são os que querem recuperar a obra?

O Que?

O que tem em particular a obra do seu pai?
Do que estão a procura para completar a obra?
O que motiva ao Miguel para continuar à procura?
O que preferiria fazer o seu irmão?

Por que?

Por quê faz falta um rolo?
Por quê o irmão não quer investigar mais?
Por quê o Miguel não quer voltar a Buenos Aires?

A onde?

Onde é que está a obra de Salvatierra?
Para onde será levada?
Até onde chegarão para recuperar por completo a obra?

Quando?

Quando sucede todo?
Quanto tempo fica Miguel na terra?

Construye el argumento de tu novela en solo dos pasos- bubok Pode acrescentar quantas perguntas considere pertinentes. Se desenvolve estes pontos, o seu argumento irá a aumentar até tomar a consistência duma grelha através da qual poderá desenvolver o resto do seu romance.

Pode partilhar connosco nos comentários o que acha deste método para que outros escritores tenham uma visão ampla do tema.

Lembre que no nosso blog sempre terá dicas interessantes para a escrita, ainda que, no fim, o importante está na sua própria criatividade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

He leído y acepto las políticas de privacidad