Calendario 09 / Agosto / 2015 Cantidad de comentario Sem comentários

Ana Honrado, tradutora profissional e autora do livro “Batalhas de um tradutor iniciante” publicado na Bubok Portugal conta como foi lançar seu próprio livro e converter-se em escritora e protagonista.

 

batalhas-tradutor-iniciante-ana-honradoQuem é a Ana Honrado?

Ana Honrado é uma sonhadora e lutadora que não pára face aquilo que acredita poder vir a fazer de si alguém mais feliz e realizada. É tradutora e por acidente escritora. Engraçado, que enquanto escrevo estas linhas me apercebo que realmente é o que sou: tradutora e escritora. Nunca me havia definido como escritora antes.

Acredito no melhor das pessoas e que devemos lutar para obter o que pretendemos da vida, infelizmente ninguém nos vai dar o que queremos de mão beijada mas felizmente que assim é porque nos obriga a ser mais fortes! Afinal de contas a vida é feita de batalhas ganhas e perdidas.

Em Janeiro de 2015 Ana Honrado abriu sua própria empresa de tradução, visite aqui a página web da empresa.

 

Qual tem sido o seu percurso como escritora?

Não me defino, em geral, como escritora, no entanto acho que se escrevermos sobre o que gostamos, o que nos apoquenta, o que nos move, etc. bem, qual é o mal?! Devemos definir o porquê de estarmos a escrever: é para mim? É para os outros?! É para alguém em específico? Existe alguém que quererá ler o que estou a pensar escrever ou já escrevi?!

Atualmente encontro-me a escrever um novo livro, que pelo andar da carruagem, não sei quando estará terminado, mas encontrei algo que amo, a minha área, e afinal de contas posso partilhá-la com outros de uma forma que nunca havia pensado. Este tem sido o meu percurso enquanto tradutora que acabou por fazer um pequeno desvio para a arte da escrita em proveito próprio.

 

Fale-nos um pouco do seu livro e o que a levou a escrevê-lo.

O meu livro é um pedaço de mim no papel, gosto de defini-lo como o meu diário para o mundo. Nele partilho um pouco da vida de um tradutor iniciante, problemas, peripécias, dificuldades, situações divertidas etc. Iniciei a sua escrita por acidente e hoje estou muito contente por ter acontecido.

 

A que tipo de leitor está direcionado?

Este é um livro pseudo-técnico e por essa razão não é para toda a gente. Defino-o como um pequeno rascunho das minhas vivências que menciona muitas situações da vida de um tradutor e como as ultrapassar e resolver, uma espécie de how to.

 

Como se deu o salto de tradutora à autora?

Na realidade foi algo muito natural. Nunca me vi ou imaginei como escritora. Adoro ler e escrever, principalmente poesia, pelo que sempre pensei que se algum dia resolvesse publicar algo seria poesia, mas numa bela tarde comecei a rabiscar alguns títulos num Word, títulos estes que pretendia usar como temas para montar um blog e que usaria para discutir com colegas e futuros colegas, mais tarde quando dei conta, percebi que o conteúdo do possível futuro blog podia muito bem ser usado em formato livro, e assim fiz.

 

“A Bubok pareceu-me ser a plataforma que mais se adaptava ao que pretendia, auto-publicação, simples mas ao mesmo tempo com tudo o que uma editora tradicional oferece, e na minha opinião a opção de lançamento em dois formatos, foi o ponto decisivo.”

 

Que tipo de promoção vem fazendo como autor?

Confesso que aquando do lançamento do livro não sabia exatamente por onde começar a promovê-lo, fui entrevistada para alguns jornais locais e enviei uma press-release também para alguns blogs e jornais/revistas. Mas só recentemente me tenho vindo a empenhar na promoção do mesmo e por essa razão acabei por ver um acréscimo nas vendas. Realizei alguns sorteios, enviei mais press-releases, fui entrevistada em blogs da área e no decorrer de tudo isto acabei por ser convidada para ir a São Paulo, ao Congresso ABRATES onde pude publicitar o livro.

 

batalhas-tradutor-iniciante-apresentacao-ABRATES-2015-2batalhas-tradutor-iniciante-apresentacao-ABRATES-2015-1

 

Por que decidiu publicar este livro com a Bubok?

A Bubok pareceu-me ser a plataforma que mais se adaptava ao que pretendia, auto-publicação, simples mas ao mesmo tempo com tudo o que uma editora tradicional oferece, e na minha opinião a opção de lançamento em dois formatos, foi o ponto decisivo.

 

O que foi o melhor e o pior da experiência de publicar como autora independente?

Acredito que o melhor é que não temos de andar a correr atrás de ninguém à espera que esta ou aquela editora achem o que escrevemos digno de ser publicado. Escolhemos fazê-lo e pomos mãos à obra!  No entanto também por esta razão acredito que apenas aqueles que realmente pretendem publicar a amam a escrita o devem fazer desta forma, pois uma Editora “tradicional” acaba por auxiliar bem mais na promoção do livro, entre outros. O maior desafio creio que terá sido o facto de ter de me tornar uma “editora”, ou seja, pensar na parte gráfica, paginação, código de barras, ISBN, entre outros.

 

Você recomendaria a edição independente a outros autores?

Sem dúvida alguma, fiquei fã. Gostaria de ter a oportunidade de no futuro publicar com uma Editora tradicional para verificar as diferenças em primeira mão, mas acredito que a Bubok tem provado ser uma excelente companhia para um novo autor. Sempre disponíveis e super acessíveis.

 

“Acredito que o melhor (da edição independente) é que não temos de andar a correr atrás de ninguém à espera que esta ou aquela editora achem o que escrevemos digno de ser publicado. Escolhemos fazê-lo e pomos mãos à obra!”

 

Na Bubok publicar seu livro é grátis. Registe-se na plataforma da Bubok Portugal e converta-se em um Autor Bubok!

Quer que seu livro tenha uma aparência profissional? Consulte os serviços editoriais e packs de publicação que a Bubok Portugal coloca à sua disposição.


Batalhas-de-um-tradutor-iniciante

Batalhas de um tradutor iniciante

Autor: Ana Honrado

Nº de páginas: 128
Tamanho: 108×175
Gênero: Narrativa
Temática: Tradução

Adquira seu exemplar na Livraria Bubok.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

He leído y acepto las políticas de privacidad