Calendario 03 / Março / 2016 Cantidad de comentario 2 Comentarios

A diferença entre os bons e os maus escritores tem pouco a ver com a habilidade. Tem a ver com a perseverança. Os maus escritores rendem-se, enquanto os bons escritores prosseguem. Se se pergunta como ser um bom escritor, é na perseverança que encontrará todas as respostas.

Estas são algumas das atitudes que o tornarão num bom escritor:

1. Um bom escritor pratica e toma o seu tempo para escrever; edita e corrige as suas obras até obter um resultado satisfatório. Investe todo o tempo que for preciso em melhorar e progredir.

2. Um bom escritor aceita as críticas e sabe agradecer um bom feedback. Definitivamente, é capaz de transformar os comentários positivos em ferramentas para melhorar o seu trabalho.

3. Um bom escritor resigna-se ao facto de que os primeiros rascunhos possam ser um completo desastre, e que será necessário realizar um enorme trabalho de correcção para alcançar o resultado desejado.

4. Um bom escritor compreende que não se trata de escrever nos momentos de inspiração, mas sim de trabalhar dia-a-dia até chegar ao seu objectivo.

5. Um bom escritor compreende que a escrita é muito mais que uma profissão ou um passatempo. É uma vocação, a sua vocação, e acredita no que está a fazer.

6. Um bom escritor não é perfeccionista, mas sim consciente da importância de publicar um trabalho de qualidade, respeitando os seus leitores tanto no conteúdo como na forma da sua obra.

7. Um bom escritor é humilde. Independentemente da sua habilidade está decidido a dedicar tempo ao processo de escrita. Não importa quão extenuante ou duro seja: chegará ao final e melhorará pelo caminho.

Os maus escritores acham que estão por cima disto tudo, e é precisamente isso que os torna em maus escritores. Pensam que a sua escrita chegou a um certo nível de excelência, pelo que frequentemente são reticentes à edição e às rescritas. Podem parecer arrogantes e orgulhosos mas na verdade, são apenas preguiçosos e têm medo.

Porque não editar? Porque não planificar? Porque acreditar no mito da inspiração repentina? Porque têm medo de falhar. Como resultado, o seu trabalho acaba por ser muito disperso, sem dúvida pior do que pensam.

Reflicta sobre todos os pontos anteriores. Que aspectos lhe custam mais ao tentar ser um bom escritor? Acha que há algum a acrescentar? Gostaríamos de conhecer a sua opinião.

Lembre-se que encontrará muitos mais posts que o ajudarão com a sua escrita no no nosso blog dentro da secção de conselhos para escritores. Também pode consultar a nossa guia sobre como publicar um livro, que condensao processo de escritura em 7 passos.

Até ao próximo post!

2 comentários para “Como ser melhor escritor”
  1. Equipa BUBOK.pt
    Alma Correia

    A escrita é uma arte solitária e humilde por natureza. Já no caso da escrita a “metro” não posso considerar arte porque existe uma obrigatoriedade, prazos e contratos que limitam a liberdade de escrita.

  2. Equipa BUBOK.pt
    Victor Centúrio Almeida

    Um bom escritor é aquele que consegue elaborar e financiar um programa de marketing. Um Camões ou um F.Pessoa, hoje é impensável ser conhecido, neste oceano de palavras, editoras, tradutoras, mass-médias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

He leído y acepto las políticas de privacidad