Calendario 03 / Novembro / 2016 Cantidad de comentario Sem comentários

Queira ou não, o Facebook é uma excelente plataforma para todos os autores, independentemente do tipo de literatura que escreverem. Com mais de um bilhão de utilizadores, aqui está prestes a encontrar uma comunidade interessada no seu livro. No entanto, antes de começar, revemos consigo alguns conceitos e práticas para usar o Facebook adequadamente.

Quando cria uma conta no Facebook começa com um perfil pessoal –um espaço privado onde pode partilhar actualizações de estado e fotos com os seus amigos, famílias e colegas de trabalho. Quando tiver este perfil pessoal, poderá criar um página de Facebook –um espaço público onde poderá manter actualizados os seus fans actualizados sobre o progresso da sua escrita.
Com um perfil, faz amigos, mediante um sistema de pedidos de amizade. Com uma página, qualquer pessoa pode procura-lo e “gostar” da sua página. Estas páginas foram pensadas para empresas, artistas e figuras públicas. Lembre-se que como autor também é um empresário.

Se já tem um página pessoal, para que serve uma página pública?

Provavelmente já deve ter ouvido falar da pesquisa orgânica limitada que acontece a muitas páginas e que consiste em não mostrar o conteúdo a todas as pessoas que “gostam” da sua página. Isso pode-se resolver com o facto de disponibilizar o conteúdo na página pessoal. Afinal de contas, mais pessoas verão as suas publicações, certo?

Sim, talvez.

É verdade que os algoritmos do Facebook dão mais peso às publicações dos perfis pessoais, assumindo que as pessoas estão mais interessadas nas actualizações da família e dos amigos e muito pouco nas das empresas. No entanto, o Facebook limita o número de amigos a 5000 por perfil pessoal e nas páginas públicas não há qualquer limite.
Quando ultrapassar os 5000 amigos, o Facebook cria uma página pública com os seus dados para que possa continuar a acumular seguidores. E se ter 5000 amigos lhe parece algo impossível, deve planificar tudo como se estivesse ao seu alcance.
As páginas públicas também lhe oferecem dados e estatísticas sobre o seu público. Se quer tirar partido da publicidade do Facebook deve ter uma página destas, pois não se pode publicitar nas páginas pessoais.
E talvez mais importante, o Facebook pode fechar a sua conta se achar que está a utilizar o seu perfil pessoal para fins profissionais. Isto significa perder todos os dados da sua conta.

Qual é então a melhor altura para criar uma página pública?

Pode criá-la logo no início ou esperar até chegar aos 5000 amigos e fazê-lo. Ambas opções têm as suas vantagens e desvantagens, dependendo do seu plano promocional no Facebook. Se quer promover-se como escritor, vendendo o seu livro ou publicitando-se, o melhor é criar a página pública. As estatísticas e os dados vão ajudá-lo em questões de marketing. Se ainda está a escrever e vai demorar a publicar, o melhor é começar com a página pessoal e ir construindo a sua comunidade.
Quando estiver pronto para criar a sua página pública, só tem que seguir as instruções do Facebook. A sua página deve incluir:

Uma fotografia de perfil
Deve ser uma fotografia sua. As pessoas conectam outras pessoas, não com capas de livros. Pode ser uma fotografia profissional ou uma fotografia divertida que mostra a sua personalidade. Tenha apenas em conta que a sua foto não deve ter muitas cosas de fundo que distraiam as pessoas. A intenção é que se concentrem em si.

Uma fotografia de capa
A fotografia de capa é a sua oportunidade para mostrar os seus livros, a sua última publicação ou qualquer referência que o ajude a construir a sua marca como autor.

Um botão Call-to-Action
Com a página pública, pode definir um botão call-to-action. Sugerir aos visitantes a subscrição da sua newsletter, uma visita à sua web, contactá-lo ou enviar-lhe uma mensagem. Se tem alguma nova publicação, pode inclusivamente redirigir as pessoas à página onde esta se possa comprar.

A sua biografia
Há um espaço para uma pequena biografia na sua página principal. Escreva uma breve descrição de quem é (ou do que escreve) de maneira a apresentar-se aos seus novos leitores.

A sua página web
Debaixo da sua pequena biografia há um espaço para a URL da sua página web. A sua web de autor é uma potente ferramenta, portanto o ideal é levar as pessoas até lá.

Conteúdo actualizado
Exactamente! Quando tiver seguidores da sua página, precisa de começar a publicar actualizações e conteúdo. Ter uma página pública do Facebook vazia não o vai ajudar em termos de marketing nem vai dar às pessoas vontade de seguí-lo. Publique algumas fotografias ou vídeos, fale dos seus livros e partilhe as publicações do seu blog.

 

Se já publicou o seu livro connosco e tem a sua página pronta procure a nossa página no Facebook e partilhe a sua experiência como escritor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

He leído y acepto las políticas de privacidad