Calendario 08 / Novembro / 2013 Cantidad de comentario Sem comentários

blogpost descriç

Quem escreve escreve para que alguém leia e se possível para que muitos gostem. Mas sabemos que, escrita a história, a ideia de a dar a ler para receber as primeiras críticas é algo que aterroriza muitos escritores. O tempo de espera até receber as primeiras opiniões de quem a leu pode ser sufocante.

Mas por mais stressante que seja esta exposição da escrita aos outros a verdade é que a crítica é essencial para um escritor. Destacamos três razões evidentes para isso:

1. Feedback geral – O enredo é bom? A história tem um sentido? Os personagens são credíveis? O desenrolar da narrativa deixou alguma ponta solta? Etc.

Mesmo se o desenrolar de uma história parece lógico a quem a escreveu, muitas vezes, ficamos de tal forma absorvidos pelas nossas ideias que nos esquecemos do ponto de vista do leitor.

2. Sugestões – Qual é a melhor forma para os meus personagens se conhecerem? Será que posso dispensar este parágrafo, ou é fundamental para a narrativa?

A certa altura, os autores ficam encurralados na sua própria história. E muitas vezes são incapazes de chegar a conclusões que para os outros são óbvias.

3. Revisão – mesmo que o autor domine a ortografia e a gramática, é essencial que alguém possa rever o seu livro e indicar os erros ou as gralhas que lhe escaparam. Porque estes erros distraem o leitor e não vão passar despercebidos.

 

É normal que esta exposição deixe o autor nervoso e vulnerável mas se começar por entregar a revisão do livro a um amigo próximo, vai ficar mais confiante para procurar outras pessoas para lerem o livro e se possível recorrer a um serviço profissional. Num próximo post vamos olhar para os revisores e dividi-los em diferentes tipos para o ajudar a escolher a quem e quando recorrer.

 

Adaptado de: http://writetodone.com/finding-effective-critique-7-people-need-review-writing/
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

He leído y acepto las políticas de privacidad