Calendario 06 / Dezembro / 2018 Cantidad de comentario Sem comentários

Regras ortografiaRegras ortográficas básicas da nossa língua e alguns erros comuns que cometemos:

Bom/Bem/Mau/Mal

Bom e mau são antónimos, igual que bem e mal.

Ex: “Maria trabalha bem”. Nunca seria “Maria trabalha bom”.

Podemos usar o antónimo para ver se soa mal: “Maria trabalha mau”

Use dois “S” em substantivos que vêm de verbos terminados em

“cutir”,”gredir”, “ceder” e”mitir”.

Ex: Demitir – Demissão / Discutir – Discussão

 

Há / À

“Há” é sempre do verbo haver e é usado para descrever a passagem do tempo:

Ex: Há muito tempo que não nos vemos.

“À” é uma contracção dum artigo e um pronome e tem sempre acento grave:

Marta gosta de ir à biblioteca.

 

Gramas é masculino!

Ex: “Trezentos gramas de farinha”. Não “Trezentas gramas de farinha”

 

Fato / Factoescrever

Atenção! “Facto” não mudou com o novo acordo linguístico.

Fato é roupa conjuntada e Facto vem do latim factum, -i e significa aquilo que se fez, façanha, proeza, acto.

 

Derivado de / Devido a

Nunca “Derivado a”.

 

A cerca / Acerca / Há cerca

“A cerca” é um muro que rodeia um terreno. Ex: A cerca era vermelha e media 30 metros.

“Acerca” é usado em conjunto com um “de” para indicar do que se fala ou trata. Ex: Estamos a falar acerca do feminismo.

“Há cerca” equivale a “Há aproximadamente”. Ex: Há cerca de cinco anos que não falamos. Há cerca de 20 mulheres na sala.

 

Se não / Senão

 

“Senão” utiliza-se para transmitir a ideia de “caso contrário” ou “de outro modo” Ex. Lê mais livros, senão ficas inculta:

“Se não” trata-se da ocorrência de uma conjunção condicional (se) que carrega o significado de “caso não” Ex. Se não deixa de chover, ficamos em casa.

 

livros

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

He leído y acepto las políticas de privacidad