CEGUEIRA LUSA

Comprar Acabamento em capa mole por 13,50€ Descarregar eBook em PDF

Dei os primeiros passos na webosfera corria o ano de 2006. A convite do meu bom amigo Carlos Sousa (C.S), um «craque» da rede, comecei a postar no blogue Mais Bola. Como o próprio nome parece indiciar, visava sobretudo analisar o que se passava no mundo do futebol. Gostei imenso da experiência. Entusiasmei-me e passei a produzir e a plasmar, nesse espaço, bastante informação. Com o passar do tempo, fui sentindo a necessidade de alargar os domínios da minha intervenção. Gostava de falar de outras temáticas que me interessam e de opinar acerca do meio envolvente e da sociedade em que me insiro. Foi neste contexto, após a primeira experiência de produção de conteúdos on-line, que criei, com a colaboração do amigo C.S., um espaço de intervenção bem mais abrangente que baptizei de Cegueira Lusa. A adopção do nome não foi uma tarefa fácil, bem pelo contrário. Procurei que o título do novo blogue fosse apelativo e que, de algum modo, pudesse justificar per si a sua criação. Quando me refiro a cegueira lusa, viso essencialmente dar um contributo para a atitude passiva que a maioria dos nossos compatriotas tem em relação a tudo o que diz respeito ao nosso futuro, enquanto nação independente e enquadrada na União Europeia. A apatia e o desinteresse parecem, em alguns momentos, resultar de uma putativa cegueira que não permite que os cidadãos vejam, com olhos de ver, analisar, reflectir, criticar e agir de modo a contribuírem decisivamente para a construção de um país melhor que proporcione a todos e �s gerações vindouras melhor qualidade de vida, desde que se nasce até aos últimos dias. �Na medida do possível, com um ou outro excesso de linguagem, procurei, ao longo destes três anos, analisar criticamente o nosso país e o mundo. Consciente das minhas limitações, creio que nunca deixei de procurar tecer críticas construtivas e que visam essencialmente resultar num modesto contributo para a anulação da aparente cegueira que parece apoderar-se de muitos portugueses. ��Acredito que é possível adoptarmos um novo olhar, um olhar mais atento, mais crítico, mais reflexivo que permita a mais portugueses exercerem a cidadania na sua plenitude e darem o seu contributo para a construção de um futuro promissor e que garanta uma boa qualidade de vida a todos nós e �s gerações vindouras.��� ������No que me diz respeito, continuarei a fazer o trabalho de «formiguinha», com enorme prazer, e a acreditar que, com o contributo de todos, é possível tornarmo-nos nos obreiros de um mundo melhor, mais solidário e mais justo, esbatendo as desigualdades sociais e aumentando a entreajuda entre os povos. ���Reuni, neste livro, os textos que considerei mais interessantes, escritos ao longo de três anos (2007-2010). Logicamente, no blogue há outros documentos: vídeos, fotografias, sugestões literárias e culturais múltiplas. Convido-o, caro leitor, a visitar o meu blogue no endereço que se segue:� � �http://cegueiralusa.blogspot.com/

Quero publicar um livro Ver mais livros