A Honra Inacabada do Capitão Melquíades

Comprar Acabamento em capa mole por 6,48€ Comprar eBook em PDF por 0€

Durante a guerra civil da Patuleia e da Maria da Fonte, os revoltosos cercaram o Forte de Santiago da Barra,(conhecido entre o povo por "castelo"), na vila de Viana da Foz do Lima. A guarnição, comandada pelo capitão Melquíades Sobral, manteve-se fiel à rainha dona Maria II. Estamos em princípios do sec. XIX. A fome e a peste fizeram com que a guarnição tivesse que fugir de noite, mas o capitão, depois de fechar a porta principal do castelo, embarcou num navio inglês, o Jackdale, que o esperava à entrada da barra e rumou a Lisboa. No paço, o capitão entregou as chaves à rainha, como prova de lealdade. Anos mais tarde, a vila de Viana da Foz do Lima passou a cidade, mas dona Maria II exigiu que ela viesse a ter outro nome: Viana do Castelo. Era uma homenagem à guarnição do forte e à lealdade do capitão Melquíades.

Quero publicar um livro Ver mais livros