O amor de um cavalo

Comprar eBook em PDF por 0€

Existem duas dores de amor: A primeira é quandoa relação termina e a gente, seguindo amando, tem que se acostumar com aausência do outro, com a sensação de perda, de rejeição e com a falta deperspectiva, já que ainda estamos tão embrulhados na dor que não conseguimosver luz no fim do túnel. A segunda dor é quando começamos a vislumbrar a luz nofim do túnel. A mais dilacerante é a dor física da falta de beijos e abraços, ador de virar desimportante para o ser amado. Mas, quando esta dor passa,começamos um outro ritual de despedida: a dor de abandonar o amor quesentíamos. A dor de esvaziar o coração, de remover a saudade, de ficar livre, semsentimento especial por aquela pessoa. Dói também… Na verdade, ficamos apegadosao amor tanto quanto à pessoa que o gerou. Muitas pessoas reclamam por nãoconseguir se desprender de alguém. ? que, sem se darem conta, não querem sedesprender. Aquele amor, mesmo não retribuído, tornou-se um souvenir, lembrançade uma época bonita que foi vivida

Quero publicar um livro Ver mais livros