Procurar na Bubok

A arte impopular de Hokusai

Impostos e envio não incluídos
  • Autor: Alam Arezi
  • Estado: Público
  • Nº de páginas: 280
  • Tamanho: 150x210
  • Miolo: Cor
  • Paginação: Colado
  • Acabamento da capa: Brilho
  • ISBN eBook em PDF: 978-85-06-07386-5
Ver ficha técnica completa
Hokusai produziu, durante sua longa vida, inúmeras xilogravuras e pinturas, que, infelizmente ou não, só tiveram reconhecimento por parte dos especialistas em arte nos meados do século XX - mais de um século depois de sua morte. Dentre esses reconhecedores, podemos citar Picasso, que em uma de suas obras usou como 'pano de fundo' Hokusai, e não por acidente. Cinco anos após a morte de Hokusai, o território japonês fora tomado pelo ocidente e, junto com todo o processo de aculturação, escravização e comércio ilegal, a arte japonesa foi 'tomada' pelos europeus como algo deslumbrante. Essa arte, denominada "japonismo", basicamente continha elementos xilográficos, traços do idioma e representações de paisagens, mas estava longe de ser posta em analogia com os trabalhos de Hokusai, que mesmo assim, foi ignorado, tendo sua arte póstuma tomada como 'popular' e grotesca. A arte de Hokusai é eterna. Ninguém soube descrever com tamanho sentimento o que passava através das retinas ao se observar o monte Fuji. E é isso o que essa obra quer demonstrar; através de pequenas discussões iconográficas o que Hokusai via além de sua criatividade surpreendente.
Não existem comentários sobre este livro Registe-se para comentar este livro